Gabrielle Crocoli

Foi a mãe, Maglibel, que sonhou com o debut antes mesmo da filha, Gabrielle Crocoli. “Ela ficou sabendo como era o debut do Juventude e adorou. Chegou em casa e me contou tudo e eu gostei também. Nunca tinha pensado em debutar”, diz Gabrielle, que celebrou a chegada dos 15 anos em um Ana Dotto nos salões do Recreio da Juventude, em setembro de 2018. 

Como a madrinha e uma prima já haviam feito modelos Ana Dotto para ocasiões especiais (e gostado do resultado), Gabrielle conta que não teve dúvida na hora de procurar o atelier para a confecção do seu vestido.

Chegou sem ter noção sobre qual modelo queria, o que não foi problema algum. Juntamente com a Ana, Gabrielle foi tendo ideias para seu vestido dos sonhos. “Queria um vestido simples e bonito. E ele ficou exatamente assim. Era totalmente branco, sem nenhuma renda, nenhuma pedra, mas tinha um cinto cheio de cristais. Era um tomara-que-caia que ia até o ombro”, conta.

“Eu queria algo simples, e a Ana me ajudou a construir isso. O meu estilo é assim, eu não gosto de muitos detalhes, bordados… acho que some um pouco do rosto, do visual, quando se tem muita coisa. Daí quis dar enfoque à maquiagem, que ficou mais forte, e no cabelo solto.”

Como toda debutante, nos dias antes da festa Gabrielle estava muito ansiosa. E a ansiedade aumentou ainda mais ao buscar o vestido na caixa no atelier. “Eu estava bem ansiosa. Mas ficou maravilhoso!”, diz.

“Eu amei muito. E todas as meninas do debut elogiaram, falaram que tentaram encontrar um vestido simples como o meu não tinham conseguido.”

 O vestido clean de Gabrielle brilhou quando ela dançou uma valsa com o pai e uma com o amigo de infância, além de acompanhá-la durante a festa que durou a noite toda: “Ficou perfeito, como eu queria!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Isadora Meneghel Bersaghi

Júlia Feltrin